Aldeias do Médio Xingu estão há 30 dias sem novos casos de Covid-19

Data de Publicação: 12/04/2021 17:00

O Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) de Altamira, que atende seis municípios do sudoeste do Pará, alcançou nesta segunda-feira (12) a marca de 30 dias sem novos casos de Covid-19 em aldeias do Médio Xingu. Dos quase 4,5 mil indígenas que compõem a jurisdição do órgão, 1.785 (82,9%) já receberam a primeira dose, e 1.478 (68,7%), a segunda - de acordo com dados consolidados pelo órgão indigenista em 6 de abril. 

Desde janeiro deste ano, a empresa Norte Energia, concessionária da Usina Hidrelétrica Belo Monte, presta apoio logístico ao DSEI local para levar o imunizante aos indígenas de aldeias localizadas no Médio Xingu, o que para o Distrito foi fundamental para que os casos diminuíssem consideravelmente. 

A empresa disponibilizou, até o momento, quatro voadeiras e quatro caminhonetes, além de combustível para que o órgão indigenista alcance a região. “Neste momento de crise sanitária mundial, a empreendedora de Belo Monte vem apoiando o DSEI Altamira para reforçar o atendimento à saúde da população indígena em ações para além das obrigações do licenciamento. Para esta ação de imunização, o nosso papel é, sobretudo, o de colaborar com o poder público para que a vacinação alcance longas distâncias e minimize os impactos da doença na região”, destaca Nina Fassarella, gerente de Assuntos Indígenas da Norte Energia.

Para o coordenador do DSEI, João Caramuru, esse apoio tem sido fundamental para que as equipes de saúde cheguem mais rápido às comunidades. “A iniciativa da empresa refletiu diretamente no sucesso do nosso trabalho, pois estamos falando de uma região de dimensões continentais, com extensas vias terrestres e fluviais, muitas delas de difícil acesso”, afirma o gestor. “Mesmo com o atual quadro positivo, estamos em alerta e trabalhando para que as aldeias continuem protegidas e os indígenas sendo imunizados”, reitera.

Ao longo do período de pandemia, além do apoio logístico ao DSEI Altamira, as iniciativas da Norte Energia contemplaram a doação de milhares de testes rápidos para a detecção da Covid-19. A empresa também implantou um projeto piloto de telemedicina para reforçar a atenção à saúde indígena na região e viabilizou a contratação de 163 novos profissionais de saúde para apoio ao DSEI/Altamira que já atuam na linha de frente da pandemia no Médio Xingu.   

“Esse incremento de profissionais é outro fator que nos leva aos bons resultados. A cobertura da assistência à saúde indígena no Médio Xingu foi ampliada de forma a garantir o acompanhamento ininterrupto dos aldeados. Vale destacar que a nova sede da Casa da Saúde Indígena de Altamira (CASAI), outra conquista nossa junto à Norte Energia, não possui, atualmente, nenhum indígena internado por Covid-19”, observa João Caramuru.