Belo Monte é inaugurada e está pronta para a plena operação

Data de Publicação: 29/11/2019 12:00

A Usina Hidrelétrica Belo Monte chegou à sua plena operação, consolidando-se como a maior hidrelétrica 100% brasileira. A inauguração da Usina, marcada pelo acionamento da 18ª Unidade Geradora da Casa de Força Principal, foi realizada na tarde de quarta-feira (27), com a presença do presidente Jair Bolsonaro.

Com a entrada em operação da última Unidade Geradora de 611,11 megawatts (MW), Belo Monte alcançou 11.233,1 MW de capacidade instalada – o suficiente para atender cerca de 60 milhões de pessoas ou cerca de 10% da demanda nacional. A potência instalada na usina situada no rio Xingu corresponde a 7% de toda a capacidade de geração brasileira e faz do empreendimento a quarta maior hidrelétrica do mundo.

Durante pronunciamento, o diretor-presidente da Norte Energia, Paulo Roberto Ribeiro Pinto, destacou a importância de Belo Monte para o país e o legado socioambiental do empreendedor na região.

“Graças à parceria público-privada nós conseguimos não só cuidar daquilo que é o nosso objetivo principal, gerar energia elétrica, mas também entender que o empreendedor na região amazônica tem que olhar para o lado social, das atividades e investimentos sustentáveis da região”, disse o executivo. “Precisamos, ainda, agradecer aos nossos colaboradores e parceiros, consórcios, e especialmente manifestar o sentimento de muita gratidão aos empregados da Norte Energia, que foram incansáveis durante todo esse tempo”, completou Paulo Roberto.

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, discursou na cerimônia. "Esse projeto faz parte de uma visão estratégica de política energética definida há mais de 40 anos. Uma obra magnífica, que se soma à nossa matriz de energia, a mais limpa e renovável do mundo", disse o ministro.

Também estiveram na solenidade o governador do Pará, Helder Barbalho, e o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, representando os agentes financiadores da obra. Ao final da cerimônia, o presidente Jairo Bolsonaro e demais autoridades descerraram a placa inaugural do empreendimento e acionaram, simbolicamente, a 18ª e última turbina de Belo Monte.