Norte Energia entrega mosquiteiros e testes rápidos para enfrentamento à malária na região

Data de Publicação: 22/04/2020 18:00

Mesmo em meio aos esforços para enfrentar a Covid-19, a Norte Energia, empreendedora da Usina Hidrelétrica Belo Monte, localizada no sudoeste paraense, mantém esforços para combater outra doença na região – a malária. Na manhã desta quarta-feira (22), por meio do Programa de Ação para Controle da Malária (PACM), a empresa doou 3,5 mil mosquiteiros impregnados com inseticida e 5 mil kits de teste rápido de malária ao 10º Centro Regional da Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa), que destinará os itens aos municípios da região Xingu.


Desde 2011, as ações do PACM, desenvolvido pela Norte Energia e coordenado pela Sespa, em parceria com as secretarias municipais de saúde, já garantiram a redução histórica da doença em até 99% na região que compreende cinco cidades influenciadas diretamente por Belo Monte – Altamira, Anapu, Brasil Novo, Senador José Porfírio e Vitória do Xingu, além de Pacajá.


De acordo com Gecilda Lima, coordenadora de Saúde Pública da Norte Energia, em 2019 houve redução de 94% nos casos de malária na região, segundo dados do Sistema de Informação de Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde (Sivep). “É um compromisso que a empresa vem mantendo rigorosamente para que os municípios que fazem parte do convênio tenham suporte para a execução de suas ações, mesmo em tempos de luta contra a Covid-19. É importante que não descuidemos do controle e vigilância da malária por meio do Programa, que trouxe resultados significativos para a região”, explicou a coordenadora.


Para Iraldo Florêncio, diretor adjunto do 10º Centro Regional da Sespa, as ações garantidas por meio do PACM são fundamentais para o enfrentamento da doença na região. “Sem essa parceria com a Norte Energia, com certeza o combate à malária seria mais dificultoso. São materiais de custo elevado, que a maioria dos municípios tem dificuldade de conseguir. Esperamos que as prefeituras se mobilizem para a plena efetividade do Programa”, observou o gestor. Outros 3,5 mil mosquiteiros foram adquiridos pela empresa e serão entregues em breve à Sespa.


O PACM faz parte do Projeto Básico Ambiental (PBA) da UHE Belo Monte, administrada pela Norte Energia. Até o momento, já foram investidos R$ 36 milhões nestas ações, e cerca de R$ 18 milhões estão previstos para serem investidos até 2021. As medidas adotadas compreendem, desde a contratação de profissionais especializados e capacitação de agentes locais, até a doação de caminhonetes, motocicletas e embarcações para possibilitar a locomoção das equipes das secretarias de saúde envolvidas.

Covid-19


Desde março deste ano, com a explosão dos casos do novo coronavírus no mundo, a Norte Energia tem atuado em parceria com o 10º Centro Regional da Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa) para enfrentar a Covid-19 na região. Até o momento, a empresa já doou 126.500 equipamentos de proteção individual (EPIs), que estão sendo repassados pelo executivo às secretarias de saúde de nove municípios atendidos pelo 10º Centro Regional de Saúde da Sespa. Recentemente, a companhia também doou 50 macacões impermeáveis para o Exército Brasileiro, que serão utilizados por militares do 51º Batalhão de Infantaria de Selva para desinfecção de áreas em Altamira e região.