Nota - Obras do Complexo Penitenciário de Vitória do Xingu (02/08/2019)

Data de Publicação: 02/08/2019 18:00

A Norte Energia, empresa empreendedora da Usina Hidrelétrica Belo Monte, renova seu repúdio em relação às tentativas de vincular a tragédia recente envolvendo detentos em Altamira à construção de uma unidade prisional na cidade. Cumprindo obrigações legais por conta das condicionantes da obra, a empresa assinou, em 2011, um acordo com o governo do Estado do Pará se comprometendo a fazer investimentos significativos em segurança pública na região.

 

Dessa forma, foram aplicados R$ 125 milhões em:

 

  • Aquisição de um helicóptero;
  • Reforma do alojamento do 16º Batalhão da Polícia Militar em Altamira;
  • Locação de 50 veículos novos para atendimento a 11 municípios – cinco da Área de Influência Direta e seis da Área de Influência Indireta da Usina Belo Monte;
  • Doação de 34 motocicletas, 2 ônibus e 1 caminhão de abastecimento deaeronaves;
  • Conclusão do prédio provisório do Instituto Médico Legal (IML) de Altamira;
  • Implantação do Sistema de Monitoramento por meio de vídeo para Altamira com 50 câmeras, sendo que outras 10 têm sua instalação em andamento.
  • Construção de presídio com capacidade para 612 vagas;

 

No presente instante, as obras estão em fase de conclusão, em sintonia com os prazos definidos com o governo do Estado do Pará.

 

A Norte Energia reitera que cumprirá rigorosamente, como fez até aqui, todos os seus compromissos assumidos.

 

 

 

Vitória do Xingu (PA), 2 de agosto de 2019

Download